Gestão empresarial: dicas para administrar negócios que geram resultado

Pedro D'Angelo
Gestão empresarial: dicas para administrar negócios que geram resultado

Não dá para falarmos de negócios, de resultados efetivos, sem passar pela gestão empresarial. Abrir uma empresa pode ser um sonho, mas que custa caro para quem não conhece o básico da gestão de um negócio. E esse post vai te ajudar a não pagar um preço alto demais nos seus empreendimentos.

Veja a seguir o que é gestão empresarial, como fazer a gestão corretamente e as táticas que sua empresa precisa empregar para ter sucesso.

O que é gestão empresarial

A gestão empresarial é um processo que envolve todas as estratégias e táticas empregadas para manter um negócio funcionando e alcançando seus resultados.

Muito mais do que uma estratégia de negócio, a gestão empresarial deve ser parte da sua realidade. Essa prática consiste em unir todas as áreas e suas lideranças em torno dos objetivos da empresa. O guia dessa gestão é o planejamento estratégico e ela deve focar no que for necessário para trazer os resultados esperados.

Para fazer gestão empresarial corretamente (e batendo todas as suas metas), são empregadas uma série de táticas. Elas requerem mudanças de comportamento, na cultura da empresa, mas principalmente organização e planejamento.

Como melhorar: técnicas de gestão empresarial na prática

Para não ficarmos apenas na teoria do que é gestão empresarial, vamos ao próximo passo: como fazer gestão empresarial corretamente.

Como começar: criar um planejamento estratégico

Criar o planejamento estratégico é um processo que tem como objetivo traçar as diretrizes da empresa para um determinado período de tempo.

Dentro da gestão empresarial, esse documento vai ajudar a nortear cada ação que será desempenhada em determinado momento.

Se ainda há quem acredite que planejamento estratégico é uma burocracia, é melhor que tirem isso da cabeça. Planejar corretamente suas ações será decisivo na hora de priorizar e executar o que for necessário para obter sucesso nos negócios.

Ainda não sabe como fazer planejamento estratégico? Veja nosso guia aqui!

Cultura de dados na gestão empresarial

Cultura de dados é um termo que significa enraizar a informação como base das decisões no seu negócio.

Ao incentivar a cultura de dados, sua gestão empresarial funcionará por meio de decisões mais maduras e seguras. Com isso, ela aumenta as chances de sucesso da organização como um todo.

O primeiro passo para criar uma cultura de dados, claro, é gerar dados. O ideal é que qualquer empresa comece a gerar dados a partir do seu primeiro dia de existência. Se a sua empresa já está operando e ainda não tem o costume de registrar dados, não se desespere. Comece a fazer isso agora mesmo.

As pesquisas de mercado são uma das formas de trabalhar com dados concretos e melhorar a tomada de decisão a partir deles. Com uma pesquisa é possível obter insights sobre seus consumidores, analisar os concorrentes e até medir satisfação dos clientes.

Fazer uma pesquisa de mercado está cada vez mais simples, rápido e acessível para todo tipo de empresa. Na dúvida de como fazer gestão empresarial, então, não descarte essa prática!

Integração entre áreas

Logo no início do texto, quando falei sobre o que é gestão empresarial, deve ter ficado claro que ela pede integração para funcionar corretamente. 

Assim, é fundamental que as áreas de uma empresa trabalhem juntas, coordenando seus objetivos e ações que vão levar até eles. O exemplo mais claro disso fica por conta das equipes de marketing e vendas da sua empresa. Elas precisam andar juntas. É impossível traçar uma estratégia de marketing eficaz sem antes conversar com o time de vendas e entender os desafios dessa área.

Juntamente com o time de vendas, você pode traçar estratégias com foco em promoção, ou definir uma nova estratégia de precificação, por exemplo. Se o time de vendas está atendendo muitas pessoas mas não está convertendo esses atendimentos em vendas, talvez o marketing esteja atraindo as pessoas erradas. Neste caso, é preciso rever suas personas e seus canais de divulgação.

O mesmo vale para todo e qualquer setor da empresa. Tecnologia, produto, RH, todas as áreas precisam andar juntas para garantir uma gestão empresarial que funcione de verdade.

Trabalhe a gestão de forma estratégica

A Gestão Estratégica é uma forma de otimizar e tornar mais eficaz a gestão empresarial de um negócio. Chamamos de Gestão Estratégica o conjunto de ações de gerenciamento dos recursos da empresa, a fim de alcançar metas e objetivos.

Essa forma de gestão existe para administrar e conduzir um negócio seguindo estratégias passando por toda a estrutura da organização.

Resumindo, a Gestão Estratégica deve passar pela definição de metas e objetivos, depois aplicar técnicas de otimização em todas as áreas da estrutura da empresa. Assim, os objetivos ficam mais fáceis de ser alcançados, as metas de serem batidas e os resultados maximizados.

Na prática, isso vai funcionar quando você conseguir realizar ações que otimizam processos, economizam recursos e trabalham da melhor forma possível com as pessoas envolvidas na sua organização.

Como dica para funcionar mais estrategicamente, aposte na automatização dos processos, invista em inovação e valorize as pessoas que fazem tudo isso acontecer.

A gestão estratégica, assim como a gestão empresarial de forma geral, acontece envolvendo cada pessoa de quem sua empresa depende. Ao mesmo tempo, a gestão é um trabalho contínuo, que nunca deve parar e sempre segue melhorando.

Estabeleça métricas e KPIs

Métricas são todo e qualquer número que pode ser obtido ou medido em relação ao seu negócio. A gestão empresarial bem feita inclui métricas operacionais, táticas e estratégicas. Além disso, existem métricas financeiras, de marketing, de vendas, de TI, de Recursos Humanos, de logística e várias outras, dependendo do setor de atividade e das áreas da sua empresa.

Já os KPIs, ou Key Performance Indicator, são os indicadores-chave, que quantificam a performance de acordo com os objetivos da sua empresa. A diferença, então, é que os KPIs são mais relevantes e devem ser acompanhados de forma mais constante e consistente.

Assim como as métricas, existem também KPIs operacionais, táticos e estratégicos. A gestão empresarial vai passar pelo trabalho de definir corretamente e acompanhar cada um desses números e resultados.

Além de falarmos sobre essas táticas para impulsionar sua gestão empresarial, que tal fazer um trabalho ainda mais amplo em duas áreas essenciais para o sucesso do negócio?

Clique no banner abaixo para continuar aprendendo – agora, sobre como obter o melhor das suas áreas de marketing e de vendas.

Também poderá gostar de:

AUTOR
Pedro D'Angelo

Pedro D'Angelo

É jornalista, mas decidiu aventurar-se com Marketing. Hiperativo e curioso por natureza, fala sobre qualquer assunto. Por isso, achou uma boa ideia sentar para escrever sobre eles.