Pesquisa sobre apps de mensagens no Brasil: confira dados exclusivos!

Pesquisa sobre apps de mensagens no Brasil: confira dados exclusivos!

Você consegue se lembrar de como a vida era antes do surgimento dos apps de mensagens no Brasil? Daqueles tempos em que a única possibilidade de comunicação em texto pelo celular era feita através das mensagens SMS, que além de serem cobradas, não permitiam uma comunicação tão fluida e rápida como temos atualmente.

Tudo mudou muito rápido! Ao longo da última década, os aplicativos de mensagens fizeram uma verdadeira revolução nesse aspecto!

Redução de custos, praticidade e rapidez na comunicação são apenas alguns dos benefícios que esses apps vêm nos proporcionando. Mas não para por aí! A concorrência entre eles está ficando cada vez mais acirrada, o que faz com que ferramentas de melhorias sejam frequentemente criadas, beneficiando a nós, consumidores!

Pensando na importância dos apps de mensagens no Brasil, realizamos mais uma vez a pesquisa Panorama Mobile Time/Opinion Box: Mensageria no Brasil. Confira a seguir os principais insights:

Apps de mensagens no Brasil: visão geral

Desde os últimos 7 anos, a pesquisa Mensageria no Brasil é feita a cada semestre para acompanhar o comportamento do usuário brasileiro em relação aos principais apps de mensagens. Na última edição do Panorama, 5 apps de mensagens no Brasil foram analisados: WhatsApp, Instagram, Messenger, Telegram e Signal.

Ao longo do tempo, já houveram muitas mudanças de preferências dos consumidores. A mais perceptível foi a imensa queda da popularidade do SMS, que continua diminuindo cada vez mais nos últimos anos.

Na última pesquisa realizada, 23% dos respondentes afirmaram que nunca enviam mensagens via SMS e 44% não enviam quase nunca. Além disso, a proporção de brasileiros que enviam SMS todo dia ou quase todo dia caiu de 8% para 2%.

WhatsApp mantém hegemonia

O WhatsApp continua sendo o aplicativo de mensagens mais utilizado pelos brasileiros, ocupando o topo das respostas desde a primeira pesquisa, que foi feita em 2015. De acordo com a pesquisa, 99% dos usuários possuem o aplicativo instalado em seus smartphones.

Além disso, o risco de desinstalação do app é baixíssimo: apenas 1% das pessoas que têm WhatsApp em seus smartphones afirmam que quase nunca o abrem.

Recomendado para você:  WhatsApp no Brasil: pesquisa revela dados sobre o comportamento do brasileiro

Chama a atenção também que o WhatsApp também é soberano quando o assunto são chamadas de voz. Nesse sentido, 78% dos usuários do aplicativo realizam chamadas de voz através dele. Entre esses, 61% dizem que fazem mais ligações pelo WhatsApp do que pelo plano de minutos da sua operadora móvel.

Além disso, 46% realizam chamadas de voz pelo mensageiro todo dia ou quase todo dia. E 79% dão notas 4 ou 5 em uma escala de 1 a 5 para medir sua satisfação com a qualidade das ligações através do app.

Se você for parar para pensar, as próprias operadoras favoreceram esses números: muitas delas oferecem planos que descontam o uso do aplicativo das franquias de dados em seus planos, o chamado “zero rating”.

Em contrapartida, as operadoras migraram seus planos de minutos para Gigabytes ao longo dos últimos anos. São cada vez mais operadoras de dados.

O golpe tá aí…

Um ponto importante de atenção para o WhatsApp no Brasil é combater sua utilização como canal para spam ou para a prática de golpes de estelionato.

Nesse sentido, essa prática vem se tornando cada vez mais comum no país: 43% já foram vítimas de tentativas de golpe na plataforma. A incidência é maior entre homens (47%) do que entre mulheres (40%).

Além disso, um dos golpes mais praticados nos últimos tempos consiste em entrar em contato com amigos e familiares da vítima pelo app tentando se passar por ela, mas com um número de telefone diferente.

O Telegram também segue em alta

O Telegram já pode ser considerado como um dos aplicativos mais populares do Brasil. Em apenas um ano, a proporção de smartphones com o app instalado no país cresceu de 45% para 60%.

Nesse sentido, existem diversos fatores que explicam esse crescimento acelerado. Um deles foi a repercussão negativa da mudança de termos de uso do WhatsApp, que aconteceu no início de 2021.

Além disso, também em 2021, o WhatsApp passou por 7 horas de instabilidade em um dia, o que fez com que muitas pessoas baixassem o Telegram. 

Entre os usuários do Telegram, 67% estão inscritos em canais de conteúdo no app. Além disso, 46% abrem o app todo dia ou quase todo dia. No entanto, vale ressaltar que o risco de desinstalação ainda é bem alto em relação ao WhatsApp. Enquanto 1% quase nunca abrem o WhatsApp, 19% quase nunca abrem o Telegram.

Ainda assim, vale ressaltar que a plataforma russa corre sérios riscos de ser proibida no Brasil. Após não conseguir contato com representantes do aplicativo, no intuito de elaborar ações voltadas para a restrição de fake news e da desinformação, o TSE vem cogitando a ideia de banir a plataforma do país. Além disso, até o momento, o app já foi banido ou restringido de pelo menos 11 países.

Instagram e Messenger tomando rumos opostos

Tanto o Instagram quanto o Messenger e o WhatsApp fazem parte do mesmo grupo econômico: o Facebook. Porém, suas estratégias e trajetórias no Brasil vêm seguindo rumos bem diferentes. 

Enquanto o Instagram encontra-se no auge de sua popularidade, sendo o segundo app mais instalado nos smartphones dos usuários (82% possuem o aplicativo no celular), o Messenger vem decaindo cada vez mais nas preferências dos usuários: o percentual de respondentes que têm o app instalado no celular caiu de 79% para 71%.

Instagram e marketing digital andando de mãos dadas

O Instagram tem uma vocação natural para ser um canal de marketing. O app já vem sendo explorado desta maneira há bastante tempo por marcas de todos os portes.

No entanto, essa utilização ganhou ainda mais força depois da abertura do recurso “lojas” em 2020 e da API de mensageria que permite o atendimento automatizado através das mensagens privadas, que surgiu em 2021.

Além disso, atualmente, 59% dos usuários do Instagram se comunicam com marcas através do Direct. Esse hábito é mais comum entre mulheres (65%) do que entre homens (53%).

Comunicação com marcas via apps de mensagens

Os aplicativos de mensagens vêm se tornando cada vez mais importantes para estabelecer uma boa relação entre marcas/empresas e consumidores. A maioria dos usuários comunica-se com marcas através do WhatsApp (78%) e do Instagram (59%). 

Em relação às preferências de comunicação, a grande maioria prefere utilizar esses recursos para tirar dúvidas ou pedir informações.

No Instagram, por exemplo, existem diversos perfis feitos para divulgarem lojas e marcas. Sendo assim, 80% dos respondentes afirmaram que utilizam da plataforma para tirarem dúvidas/pedir informações, e apenas 1% dos entrevistados que utilizam o Instagram não acham adequado se comunicarem com uma  marca ou empresa através do app.

Além disso, entre os usuários que se comunicam com marcas na plataforma, 66% utilizam para comprar produtos e serviços e receber promoções e 51% utilizam para receber suporte técnico.

Apps de mensagens no Brasil: sobre a pesquisa

Por fim, o Panorama Mobile Time/Opinion Box – Uso de apps no Brasil é uma pesquisa realizada por uma parceria entre o site de notícias Mobile Time e o Opinion Box.

Nesta última edição, entrevistamos 2.107 internautas brasileiros presentes no Painel de Consumidores do Opinion Box, entre os dias 12 e 20 de janeiro de 2022. Quer saber mais detalhes e insights sobre a pesquisa? É só clicar aqui. 

Quero fazer uma pesquisa de comportamento do consumidor

Por fim, a pesquisa aconteceu para compreender melhor o comportamento do consumidor brasileiro em relação ao uso de apps de mensagens, através do Painel de Consumidores do Opinion Box, que conta com mais de 150 mil usuários qualificados para responderem às pesquisas. 

Você também a sua pesquisa de comportamento sobre o tema relevante para o seu negócio em nossa plataforma de pesquisa. É muito simples! Você pode fazê-la por conta própria dentro da plataforma ou pode contar com o nosso time de especialistas para cuidar do seu projeto do início ao fim!

Ficou com alguma dúvida? Entre em contato com um de nossos especialistas!

Também poderá gostar de:

AUTOR

Danielle Salgado

Publicitária, fotógrafa e a louca dos gatos. Apaixonada por Marketing, adora descobrir coisas novas e falar sobre elas. Tem o sonho de viajar pelo mundo.