Roubo de celulares no Brasil: dados exclusivos sobre smartphones e segurança

Pedro D'Angelo
Roubo de celulares no Brasil: dados exclusivos sobre smartphones e segurança

Vamos começar este artigo com um dado alarmante sobre o mercado mobile e segurança: 47% dos internautas brasileiros já tiveram um celular roubado. E essa é só uma das descobertas que descobrimos em mais uma edição da pesquisa Panorama Mobile Time/Opinion Box: Roubo de celulares no Brasil.

Principais insights da pesquisa sobre roubo de celulares no Brasil

Além do dado sobre quantos internautas já foram roubados/furtados, descobrimos que para 38% isso já aconteceu mais de uma vez. Pior ainda: 11% dos entrevistados perdeu o celular 3 ou mais vezes.

O alto índice de roubo (62%), contra 38% de furtos, faz com que os brasileiros se preocupem mais com sua segurança.

84% declaram que evitam atender a uma chamada quando estão na rua. Destes, 33% afirmam que tomam esse cuidado em qualquer rua, enquanto 51% dizem que “depende da rua”. Apenas 16% garantem que sempre atendem seu telefone em qualquer lugar.

Essa preocupação com segurança é maior entre as mulheres. 88% delas evitam atender chamadas quando estão na rua (42% em qualquer rua e 46%, dependendo da rua). Enquanto isso, entre os homens, a atitude vale para 78% deles (22% em todas as ruas e 56%, em algumas delas). Como era de se esperar, o medo é maior entre os brasileiros que já tiveram um smartphone roubado ou furtado alguma vez na vida: 87% destes evitam atender chamadas quando estão na rua; contra 81% daqueles que nunca foram vítima.

Apesar da preocupação, somente 15% dos internautas brasileiros com smartphone possuem seguro contra roubo ou furto do aparelho, o que indica um grande potencial de crescimento na oferta desse serviço. A proporção de segurados é maior entre aqueles que já foram vítimas (19%), do que entre aqueles que nunca tiveram um celular roubado/ furtado (12%).

Sobre a pesquisa

O Panorama Mobile Time/Opinion Box – Roubo de celulares no Brasil é uma pesquisa realizada por uma parceria entre o portal Mobile Time e o Opinion Box. Foram entrevistados 2.532 brasileiros que acessam a Internet e possuem smartphone, respeitando as proporções de gênero, idade, faixa de renda e distribuição geográfica desse grupo. As entrevistas foram feitas em junho de 2019. A margem de erro é de 2.1 pontos percentuais. o grau de confiança é de 95%.

Para entender mais a fundo os números por trás de um dos crimes mais comuns do país, baixe gratuitamente o relatório Panorama Mobile Time/Opinion Box: Roubo de celulares. Você vai receber os dados completos da pesquisa com as análises do Fernando Paiva, editor do Mobile Time e especialista na cobertura do mercado de telecomunicações e conteúdo móvel.

Também poderá gostar de:

Pesquisa de comportamento: a relação do brasileiro com as selfies Você já tirou alguns minutos do seu dia de hoje para tirar uma foto de si mesmo? Talvez você tenha visto alguém na rua, ...
Uso de smartphones por crianças: pesquisa Opinion Box e Mobile Time Você já esteve perto de uma criança ou bebê mexendo no smartphone? Então com certeza já se surpreendeu com o que eles sã...
AUTOR
Pedro D'Angelo

Pedro D'Angelo

É jornalista, mas decidiu aventurar-se com Marketing. Hiperativo e curioso por natureza, fala sobre qualquer assunto. Por isso, achou uma boa ideia sentar para escrever sobre eles.