Gestão de Projetos: Panorama do mercado com dados exclusivos

Pedro D'Angelo
Gestão de Projetos: Panorama do mercado com dados exclusivos

Em 2019, pelo segundo ano consecutivo, fomos convidados pelo Instituto Mestre GP para realizar um panorama da gestão de projetos no mercado de comunicação. Unindo o conhecimento do Instituto em Gestão de Projetos e o nosso know-how em pesquisa de mercado, realizamos uma análise detalhada e com insights muito valiosos para agências e empresas de comunicação que trabalham com gestão de projetos.

O panorama de gestão de projetos

A pesquisa foi realizada com 1.183 profissionais da área de gestão de projetos. Ao analisar os dados, percebemos que as agências e empresas de comunicação tem suas próprias particularidades no que tange à gestão de projetos. Por isso, fizemos uma comparação do mercado de comunicação com outros mercados.

Os resultados foram apresentados com exclusividade em um evento realizado pelo Instituto Mestre GP, com a presença do nosso CEO Christian Reed discutindo os destaques da pesquisa. E agora nós trazemos para vocês um ebook detalhado com os principais dados e insights.

Gestão de projetos: alguns insights

O objetivo da pesquisa era entender o papel que a gestão de projetos vem  ocupando dentro das empresas, os tipos de projetos que estão  sendo gerenciados, as principais ferramentas e o perfil dos gerentes de projetos.

De forma geral, a gestão de projetos vem ganhando uma atenção especial no dia a dia das empresas, principalmente nas agências. O time dedicado à gestão de projetos também ganha relevância. 28% das agências possuem um time com mais de 10 pessoas dedicadas à gestão de  projetos, enquanto que nas demais empresas são 23%.

Em comparação com os dados 2018, considerando agências e não agências, 1 em cada 5 das empresas possuíam times com mais de 10 pessoas para gerir projetos.

Chama a atenção que, de forma geral, as agências costumam participar de muitos mais projetos simultâneos. 54% das agências participam de mais de 3 projetos ao mesmo tempo. Nas demais empresas esse número cai para 43%. Com relação ao prazo dos projetos, a diferença não é significativa entre as agências e as demais empresas. Nas  agências 70% dos projetos duram menos de um mês, enquanto nas demais empresas são 67% – uma diferença que está dentro da margem de erro.

A pesquisa também quis entender o panorama da gestão de projetos quanto aos principais tipos de projetos realizados.

Tanto em agências quanto em não agências, produto e plataforma digitais lideram o ranking. Aliás, chama a atenção a quantidade de projetos ligados à tecnologia e à transformação digital. Por outro lado, ao pensar nos softwares de gestão de projetos, nenhuma ferramenta ainda conseguiu roubar a liderança do Excel. MS Project, Trello e Workbox ganham espaço e, cada um deles é usado em 16% das agências.
Mas a customização e a facilidade das planilhas da Microsoft parecem ter um lugar especial no coração dos times de projetos.

Chega a ser preocupante analisar os dados sobre taxa de sucesso nos projetos. 16% das agências afirmam que têm sucesso em apenas metade dos seus projetos. Nas demais empresas, este número aumenta para 21%.

Os dados acima são só algumas das descobertas da nossa pesquisa sobre a gestão de projetos no Brasil. Clique no banner abaixo para ler mais resultados, incluindo os desafios enfrentados pelos profissionais, obstáculos da área e muito mais!

Gestão de Projetos: Panorama do mercado com dados exclusivos

Como obter dados sobre o seu mercado

Quer obter dados exclusivos sobre o seu mercado? No Opinion Box você pode fazer uma pesquisa de mercado online para entender o que os consumidores pensam sobre sua marca, seu produto ou serviço. Também pode fazer um estudo de mercado para entender a sua concorrência ou ainda entrevistar os profissionais da área.

Quer saber como? Converse com nosso time de especialistas.

Também poderá gostar de:

AUTOR
Pedro D'Angelo

Pedro D'Angelo

É jornalista, mas decidiu aventurar-se com Marketing. Hiperativo e curioso por natureza, fala sobre qualquer assunto. Por isso, achou uma boa ideia sentar para escrever sobre eles.