Como fazer um relatório de pesquisa – passo a passo

Pedro D'Angelo
Como fazer um relatório de pesquisa   passo a passo

Acabou de fazer uma pesquisa de mercado ou está se preparando para começar um projeto? Então você deve pensar em como elaborar um relatório de pesquisa. Veja agora como fazer um relatório mostrando o melhor dos seus dados!

Uma pesquisa de mercado passa por várias etapas. Desde o planejamento, passando pela elaboração do questionário e a coleta das entrevistas, muita coisa acontece. Mas e depois?

Depois de coletar seus dados, o natural é seguir em frente para a análise dos resultados. Essa análise, então, pode ser transformada em um material compilando os insights e conclusões que sua pesquisa gerou.

Esse material final, que apresenta os resultados, é o relatório de pesquisa. Veja agora como elaborar corretamente um relatório de pesquisa, os aspectos que não podem faltar e alguns cuidados essenciais para transmitir os dados que você coletou:

O que é o relatório de pesquisa

O relatório de pesquisa é um dos componentes mais importantes no ciclo de pesquisa da pesquisa. Os resultados da pesquisa precisam ser apresentados de uma maneira que seja legível, tecnicamente correta e fácil de entender pelos envolvidos no projeto.

O objetivo geral do relatório escrito é comunicar os resultados da pesquisa. Um relatório fornece um registro formal da pesquisa e pode fornecer uma base para futuros esforços de pesquisa na sua empresa.

O relatório escrito é muitas vezes o único aspecto de um projeto de pesquisa que recebe atenção de pessoas envolvidas ou não no projeto. Ele pode ser apresentado para parceiros, clientes ou superiores na sua própria empresa.

Consequentemente, a qualidade geral de um projeto é muitas vezes julgada em quão bem o relatório é escrito e apresentado.

Pensando nisso, um bom relatório precisa:

  • mostrar o resumo e abordar os objetivos da pesquisa;
  • apresentar resultados claros com conclusões fortes (e recomendações, se os dados indicarem esse caminho);
  • ser preciso e livre de erros;
  • usar tabelas, gráficos e texto apropriadamente;
  • ser escrito de forma clara para transmitir os resultados sem sobrecarregar ou entediar o leitor.

Quer ver como isso funciona na prática? Continue lendo para aprender a fazer seu relatório de pesquisa passo a passo.

Como fazer um relatório de pesquisa

Agora vamos colocar a mão na massa: como fazer um relatório de pesquisa na prática? Veja o que não pode faltar na estrutura do seu documento:

Objetivos e resumo da pesquisa

Vamos começar pelo começo: o objetivo do seu estudo. Comece o seu relatório detalhando o briefing da pesquisa. O que você queria resolver com seu estudo? Qual era o problema de pesquisa?

Use o primeiro slide ou página para contextualizar a sua pesquisa de mercado. Em linhas gerais, descreva a situação que despertou o interesse em realizar uma pesquisa, tudo que você queria descobrir e de onde o seu projeto partiu.

Ficha técnica da pesquisa

Em seguida, entre na parte técnica da pesquisa de mercado. Após resumir e relembrar os objetivos, fale sobre a metodologia escolhida para coletar os dados e dê os números do seu projeto.

Quantas entrevistas foram feitas? Durante que período? Em que locais?

Detalhe aqui quem foi o público da sua pesquisa de mercado. Fale sobre a quantidade de entrevistas, a distribuição de entrevistas por sexo, faixas etárias, faixas de renda e quaisquer outras características que ajudam a caracterizar o entrevistado da sua pesquisa de mercado.

Nesse momento, tenha em mente quem vai receber o relatório ou assistir sua apresentação. Dessa forma, filtre as informações técnicas que sejam mais relevantes e ao mesmo tempo fáceis de compreender.

Para entender como esse item do relatório pode parecer, veja o exemplo abaixo. A imagem mostra a ficha técnica da pesquisa exclusiva do Opinion Box sobre jornais e portais de notícias no Brasil:

Como fazer um relatório de pesquisa   passo a passo

Análise dos resultados

Este é ponto principal do relatório, que contém os detalhes dos resultados da pesquisa. Considere estruturar essa seção de acordo com os objetivos do projeto ou temas, ao invés da ordem das questões. Crie um roteiro que passe de forma linear e estruturada pelas respostas das perguntas que você fez.

Voltar aos objetivos da pesquisa e garantir que todos eles sejam cobertos. As informações contidas nesta seção mostram os principais resultados da pesquisa. Não precisa incluir todos os possíveis detalhamentos dos dados. Pelo contrário, deve destacar resultados que são de significado estatístico e prático.

Nessa seção do relatório de pesquisa você poderá explorar vários formatos de visualização de dados. Lembre-se, a todo momento, que o visual conta muito para o entendimento e para chamar atenção para os seus insights. Use diferentes gráficos, formatos e cores para mostrar as respostas que você conseguiu. Além de simplesmente colocar os dados na apresentação, cuide da imagem que eles transmitem para quem estiver lendo o relatório.

Para não errar, leia nosso conteúdo especial sobre data visualization. Aprenda aqui sobre a melhor forma de mostrar os seus dados de pesquisa.

Comparativo entre dados

Esse item do relatório de pesquisa não é obrigatório, mas pode agregar muito ao resultado final do seu documento. Para demonstrar ainda mais valor nos seus dados, experimente cruzar e comparar resultados.

Caso você esteja apresentando uma pesquisa que é recorrente ou já foi realizada em outro momento, compare os resultados com os estudos anteriores. Mostre em gráficos como os dados são melhores, piores, cresceram ou caíram ao longo do tempo.

Pesquisas de tracking são o melhor exemplo dessa possibilidade. Como esses estudos são feitos de forma recorrente, é sempre bom mostrar a evolução dos resultados a cada pesquisa. Assim é possível medir a efetividade de ações e se planejar para que os números continuem avançando.

Aproveite também para mostrar variações que os dados apresentam em alguns recortes que sejam pertinentes para seu objetivo. Se você testa um novo produto, por exemplo, analise e mostre possíveis variações da aceitação do produto em faixas etárias diferentes, para homens e mulheres e muito mais!

Conclusão e próximos passos

Agora estamos quase no fim!

Conclua seu relatório com uma breve seção de discussão dos resultados e, se for pertinente, seção para recomendação do que fazer a seguir.

Resuma brevemente o que você pôde tirar de insights dos seus dados. Feche o relatório com itens que foram pertinentes e informações que os dados te deram sobre o seu objetivo inicial.

Se achar necessário, aproveite também o relatório de pesquisa para sugerir melhorias com base nos dados. Feche, então, com recomendações do que é possível melhorar a partir das informações da sua pesquisa.

Aprendeu a fazer um relatório de pesquisa? Então coloque em prática seu conhecimento fazendo sua própria pesquisa de mercado. Para isso, é claro, o Opinion Box vai te ajudar. Veja aqui como você pode fazer uma pesquisa por conta própria ou com a ajuda dos nossos especialistas.

Também poderá gostar de:

Como gastar menos em marketing e vendas com pesquisa de mercado: ebook... Investir em marketing e vendas é fundamental para quem quer fazer o seu negócio crescer. As ferramentas online e o marke...
Pesquisa de mercado online: 5 erros que podem atrapalhar sua pesquisa Fazer uma pesquisa de mercado online é uma tarefa bem simples. Basta criar seu questionário, definir o seu público e ana...
AUTOR
Pedro D'Angelo

Pedro D'Angelo

É jornalista, mas decidiu aventurar-se com Marketing. Hiperativo e curioso por natureza, fala sobre qualquer assunto. Por isso, achou uma boa ideia sentar para escrever sobre eles.