Como fazer onboarding de colaboradores e integrar novos contratados no seu time

Pedro D'Angelo
Como fazer onboarding de colaboradores e integrar novos contratados no seu time

A construção de um processo de onboarding de colaboradores é a melhor maneira de receber e reter novos funcionários.

A integração eficaz tem tudo a ver com planejar com antecedência e pensar a partir do ponto de vista de seu novo funcionário. Todo esse processo não começa no primeiro dia do seu novo contratado. Começa no início do seu processo de contratação e termina quando o novo funcionário está totalmente estabelecido em suas funções.

Continue lendo para descobrir o melhor jeito de estabelecer seu processo de onboarding de colaboradores!

O que é onboarding?

O processo de onboarding de coalboradores é quando a empresa contrata um novo funcionário e geralmente se refere à primeira semana do novo funcionário em sua nova função.

Tradicionalmente a participação dos funcionários no processo inclui treinamento e novos formulários de contratação, além de outros componentes, como reuniões de apresentação de equipe, socialização com funcionários da empresa e como os processos de sua empresa funcionam.

O processo de onboarding, porém, pode ir muito além desde antes do primeiro dia de trabalho. É disso que vamos falar aqui.

Por que fazer onboarding de colaboradores

A dedicação ao processo de onboarding é o primeiro passo para promover a integração dentro do time.

Cada vez mais as empresas percebem a necessidade de construir não só uma cultura organizacional forte, mas também de centralizar as pessoas nesse processo. E como o onboarding de colaboradores ajuda nessa missão?

Os benefícios imediatos de uma boa integração são novos funcionários bem ajustados. Além disso, os benefícios de longo prazo para a empresa incluem maior retenção, aumento de produtividade e melhor satisfação geral do cliente. E os benefícios de longo prazo para os funcionários são satisfação no trabalho, maior desempenho, menor estresse e comprometimento com a empresa e sua cultura.

Dicas para fazer um onboarding completo

Antes mesmo do primeiro dia de trabalho

Antes mesmo do novo colaborador começar, se adiante e envie por e-mail o que puder adiantar da burocracia da contratação. Por quê?

Como alguns formulários demoram um pouco para serem preenchidos, e quanto mais você puder ser feito antes do tempo, melhor será seu primeiro dia, que já tende a ser cheio de coisas a fazer.

Prepare o espaço

O pior sentimento para um novo contratado é quando você chega e não há mesa, computador ou endereço de e-mail configurado para você. Aqui você pensou que eles estavam animados em contratá-lo após 4 rodadas de entrevistas e um mês de trabalho de recrutamento! Resumindo, deixa uma má primeira impressão e a criação de um espaço de trabalho e o novo computador não deve demorar mais do que 1-2 horas do seu tempo.

Já que estamos falando sobre adiantar o trabalho, nada mais natural que preparar o espaço para a chegada de uma nova pessoa. Para otimizar os primeiros momentos de trabalho e fazer o colaborador se sentir bem-vindo desde o início, garanta que todo o espaço esteja preparado para recebê-lo.

Pode parecer besteira, mas é sempre bom lembrar de preparar a nova estação de trabalho, deixar o computador pronto e todo o material destinado ao novo colaborador prontinho para a sua chegada.

Defina um guia para ajudar

Uma sensação difícil e típica dos primeiros dias em um novo trabalho é a de não ter com quem contar. Para que isso não implique em situações desagradáveis para o novo colaborador, que tal definir um padrinho para quem está chegando?

Ter um tipo de guia para o novo contratado facilita não só para que ele saiba como tudo funciona, mas para criar uma relação de confiança com o time logo de cara. Aqui no Opinion Box essa ideia já é adotada na chegada de novas pessoas ao time. Definimos sempre um padrinho para o novo colega, que deve vir de alguma área afim e fica responsável por guiar o recém-chegado e mostrar a ele o espaço e o que mais for necessário para apresentá-lo corretamente para o novo trabalho.

Dedique toda a equipe necessária para o onboarding

Com a chegada de uma nova pessoa, todas as áreas da empresa podem e devem se mobilizar. Quem está chegando precisa saber como funciona a estrutura das áreas e conhecer o máximo possível sobre o trabalho de cada um.

Dessa forma, o gestor responsável (ou o guia definido no onboarding) podem agendar reuniões do novo colaborador com um representante de cada área do negócio. Isso ajuda a dar uma visão geral de cada setor para o recém-chegado, que passa a entender mais facilmente como cada as áreas trabalham e a quem recorrer em caso de necessidade.

Estabeleça um canal de comunicação logo de cara

Para fortalecer a cultura organizacional e fazer um onboarding de colaboradores forte de verdade, a boa comunicação é essencial.

Estamos sempre falando aqui no blog sobre a importância de canais efetivos de comunicação dentro das empresas. Além disso, também ressaltamos a importância de ouvir os colaboradores para melhorar os processos internos da empresa. Por isso, já deixe claro nas primeiros momentos para o novo colaborador que a opinião dele importa e que os novos colegas estão prontos para ouvi-lo e ajudá-lo sempre que necessário.

Quer aprender mais sobre uma gestão mais eficiente? Leia também nosso post sobre gestão estratégica nas empresas.

Também poderá gostar de:

Como as pesquisas de mercado se beneficiaram das novas tecnologias O surgimento da internet e das novas tecnologias revolucionaram a forma das pessoas se relacionarem e consumirem produto...
O que é marketing de relacionamento: como conquistar e fidelizar clien... Descubra o que é marketing de relacionamento, como aplicá-lo na sua empresa para fidelizar clientes e cases de sucesso. ...
AUTOR
Pedro D'Angelo

Pedro D'Angelo

É jornalista, mas decidiu aventurar-se com Marketing. Hiperativo e curioso por natureza, fala sobre qualquer assunto. Por isso, achou uma boa ideia sentar para escrever sobre eles.