Transformação digital: 3 fatos mostram que a ficção se tornou realidade

Daniela Schermann
Transformação digital: 3 fatos mostram que a ficção se tornou realidade

Recentemente, falei para vocês aqui no blog sobre a transformação digital nas empresas. O processo de digitalização que diferentes mercados e empresas está passando empolga alguns e assusta outros tantos. O ser humano, em geral, tem dificuldade para lidar com qualquer mudança. E quando falamos em transformação digital, estamos falando em mudanças profundas e intensas, acontecendo em velocidades vertiginosas.

Muita gente ainda encara esse tema como se fosse ficção, ou algo que ainda vai acontecer, em um futuro próximo. Mas a verdade é que a transformação digital já está ocorrendo, e é melhor você começar a ficar preparado.

De acordo com a Forrester, um milhão dos vendedores B2B dos Estados Unidos perderão seus empregos até 2020 devido à automação dos processos de marketing e vendas. Além disso, segundo a Gartner, no mesmo ano, 85% dos relacionamentos entre clientes e empresas estarão acontecendo sem qualquer intervenção humana.

Esses são apenas alguns dados sobre o futuro da transformação digital. Mas eu reuni aqui 3 fatos que já estão acontecendo que mostram que a transformação digital não é futurologia nem ficção, mas uma realidade muito mais próxima do que muitos imaginam.

Todos os fatos foram retirados do Portal Transformação Digital. O site engloba notícias, conteúdos, cursos e eventos sobre o tema. Lá você encontra um monte de especialistas e influenciadores de diferentes áreas discorrendo sobre o tema. Mas vamos aos 3 fatos atuais sobre transformação digital:

Fintechs x bancos tradicionais

Se o termo fintech ainda é estranho para você, a gente explica. Fintechs são as startups voltadas para o mercado financeiro. Quem não ouviu falar sobre elas precisa ficar atento. Assim como os aplicativos de transporte tiraram o sono dos taxistas, e da mesma forma que o Netflix fez os canais de TV por assinatura reverem todo seu modelo de negócio, as fintechs já são o maior pesadelo dos bancos.

No Brasil, os 5 maiores bancos controlam 84% de todos os empréstimos realizados (com exceção daqueles realizados por bancos de investimentos) e possuem 90% de todas as agências bancárias. São eles também que cobram algumas das maiores taxas sobre transações e empréstimos de todo o mundo. Dá para enxergar uma oportunidade de negócio aí, não dá?

Pois o Nubank, o Banco Inter, o Digio e várias outras fintechs enxergaram essa oportunidade e já entraram nessa briga. O Nubank, por exemplo, encerrou o primeiro semestre de 2017 com mais de um milhão de clientes na carteira. O que isso quer dizer exatamente? Que os bancos, da forma como conhecemos desde sempre, podem estar com os dias contados. Dá pra imaginar?

Quer saber mais sobre as fintechs? Veja aqui no portal da Transformação Digital um post muito legal sobre o tema.

Inteligência artificial no marketing digital

São inúmeras as formas de automatizar e utilizar a inovação e as ferramentas digitais a favor do marketing. Mas a que mais chama a minha atenção é a utilização de inteligência artificial para analisar os dados dos consumidores. Segundo Jeremy Waite, evangelista da IBM, até 2019 teremos um milhão de novos dispositivos conectados a cada hora.

Como lidar com todos os dados, rastros e informações gerados por esses dispositivos para compreender o comportamento dos consumidores? A inteligência artificial já está ajudando a processar e a analisar diferentes fontes de dados. O Watson, supercomputador da IBM, consegue processar e analisar cerca de 10 milhões de dados por segundo.

Essas informações já são utilizadas por diferentes empresas para traçar suas estratégias de marketing, desde as simples campanhas de email marketing, com públicos cada vez mais segmentados e taxas de abertura e cliques cada vez mais elevadas, até desenvolvimento de produtos e campanhas.

Eles estão entre nós!

Não é a Rose dos Jetsons, o R2-D2 de Star Wars nem a Pris de Blade Runner. Mas os robôs já estão entre nós. Os chatbots são robôs utilizados em serviços de atendimento ao cliente, interagindo com os consumidores através de mensagens. Os chatbots são utilizados para tirar dúvidas, passar informações e até mesmo resolver situações mais complexas, como reclamações.

Se você tem o costume de fazer compras ou pesquisar produtos online, certamente já se deparou com um. Aqui no Opinion Box, inclusive, nós já testamos os chatbots para fazer pesquisa de mercado e a experiência foi muito legal!

Quer conhecer um case legal de chatbot? Conheça o Roque, o chatbot do Rock in RIo.

Sobre o portal Transformação Digital

Se você gostou dessas três notícias que eu separei para você, precisa dar uma navegada pelo portal do Transformação Digital. Lá você vai encontrar diversos conteúdos que tem como objetivo informar, educar e ajudar a desenvolver o mercado, ajudando profissionais e empresas a compreender melhor esse fenômeno que está mudando completamente a forma como vivemos, nos relacionamos e trabalhamos.

Com o patrocínio e apoio de diversas empresas, o Transformação Digital está se tornando uma comunidade de pessoas e empresas que, juntas, estão fomentando o mercado. São dezenas de influenciadores e colunistas conectados em torno desse tema.

Entenda como a transformação digital está impactando as empresas e os diferentes setores do mercado, veja dicas de como implantar a transformação digital na sua empresa e vários outros conteúdos legais relacionados à inovação, tecnologia, crescimento e disrupção.

O Opinion Box é um dos mantenedores do portal, ao lado de empresas como Clint, Trello, Rock Content, Resultados Digitais, Vindi, Abacaxi Digital e muitos outros.

Conheça o portal, compartilhe e faça parte dessa transformação junto com a gente.

 

Também poderá gostar de:

Transformação digital nas empresas: o que é e por que só se fala nisso... Transformação digital é um tema cada vez mais recorrente e atual no dia a dia das empresas. Entenda o que é e porque voc...
Customer experience: Por que a experiência do cliente é tão importante... Você já deixou de comprar um produto porque foi mal atendido na loja? Já parou de frequentar um restaurante por causa do...
AUTOR
Daniela Schermann

Daniela Schermann

Jornalista e Líder de Marketing do Opinion Box, é especialista em Inbound Marketing e entende tudo sobre pesquisa e comportamento do consumidor. Prefere ser chamada só de Dani e está sempre aprendendo alguma coisa nova.

Daniela Schermann
Receba nossas novidades por e-mail