Pesquisa quantitativa e pesquisa qualitativa: qual a diferença?

Pedro D'Angelo
Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn
Pesquisa quantitativa e pesquisa qualitativa: qual a diferença?

Vamos supor que você precisa realizar uma pesquisa de mercado. Enquanto planeja seu projeto, chega a um problema de pesquisa e define o público que precisa ouvir, uma pergunta surge: seu projeto pede uma pesquisa quantitativa ou uma pesquisa qualitativa? Quem sabe, talvez, ambas?

Quem trabalha, já trabalhou ou ainda está na fase de procurar entender o universo das pesquisas de mercado, certamente já se deparou com a distinção entre pesquisas quantitativas e qualitativas. Mas qual a diferença entre essas duas abordagens? Para que serve cada uma delas? Vamos entender melhor as duas metodologias agora mesmo:

Pesquisa quantitativa: mensurando com precisão

Como o próprio nome deixa claro, uma pesquisa quantitativa quantifica os dados para responder um questionamento, um problema de pesquisa. A quantificação, nesse caso, se dá tanto na forma de coleta dos dados via questionário quanto na análise dos resultados e sua apresentação posterior. Pesquisas quantitativas são usadas em situações nas quais você pretende validar estatisticamente uma hipótese sem, necessariamente, entender as motivações por traz das respostas.

Uma pesquisa de mercado quantitativa deve, então, seguir um modelo estruturado de questionário e entrevista. Nessa modalidade de pesquisa, o respondente tem acesso a hipóteses já formuladas e, com sua opinião, pode comprovar ou derrubar essas hipóteses – ou mesmo formular novas. O questionário, nesse caso, deve seguir um ou mais caminhos pré-determinados.

As informações obtidas em uma pesquisa quantitativa vêm em formato de números ou de dados que possam ser “transformados” em números. Pegando como exemplo a metodologia de NPS (Net Promoting Score), por exemplo, podemos identificar a abordagem quantitativa na pergunta padrão da pesquisa: “Em uma escala de 0 a 10, o quanto você indicaria a nossa empresa para um amigo?”.

No caso do NPS, o respondente dá uma nota na escala proposta, que posteriormente é agrupada em 3 grupos distintos. Os grupos representam os clientes promotores da marca avaliada, os clientes neutros e os detratores da marca.

Utilizando de uma pesquisa quantitativa, seu projeto terá resultados uniformes, que facilitarão um entendimento mais padronizado dos dados obtidos. Os resultados de pesquisas quantitativas, a propósito, são facilmente traduzidos em gráficos e tabelas.

Pesquisa quantitativa e pesquisa qualitativa: qual a diferença?  

Pesquisa qualitativa: interpretando e aprofundando

Basicamente – e diferente das pesquisas quantitativas -, uma pesquisa qualitativa explora informações mais subjetivas, levando em consideração as particularidades dos entrevistados em uma análise ampla e não-mensurável ou quantificável.

Esse tipo de pesquisa é conduzido de forma exploratória, em que o entrevistado é estimulado a opinar mais livremente, nem sempre de forma que pode ser expressada em números ou mesmo em palavras. Isso porque pesquisas qualitativas, mais do que seguir um questionário, seguem um roteiro, conferindo mais liberdade e participação opinativa do entrevistado.

A condução de uma pesquisa qualitativa, portanto, é mais livre e pode vir em formatos diversos, como entrevistas de profundidade ou mesmo os conhecidos grupos focais – técnica de marketing que reúne um grupo de pessoas para discutir determinados assuntos com a presença de um moderador. Opte por realizar uma pesquisa qualitativa, por exemplo, quando seu objetivo incluir uma contextualização mais profunda das respostas para validar o teste de um produto, conceito ou campanha.

Depois de coletados os dados, o resultado de uma pesquisa qualitativa também é apresentado de forma diferente. Ao invés de gerar números, traduzidos em gráficos e tabelas, a pesquisa é apresentada em forma de relatórios aprofundados, destacando trechos de entrevistas, frases e opiniões mais relevantes encontrados durante a pesquisa.

Recomendado para você:  Pesquisa de mercado de A a Z

Quanti x Quali

Como qualquer decisão de um projeto, a escolha entre uma pesquisa quantitativa ou qualitativa será diferente para cada situação.

E não quer dizer que um projeto deve considerar apenas uma das duas abordagens. Em pesquisas de tendências, por exemplo, é comum que os relatórios finais utilizem dados coletados em pesquisas quantitativas e qualitativas, unidos. Isso fornece ao relatório insights bastante amplos sobre o que as pessoas estão consumindo e buscando, por que isso acontece e em que contexto se dá esse padrão de comportamento.

Em um exemplo prático, confira o Atualize-me, que é uma plataforma de conteúdo que apresenta estudos temáticos com insights e informações baseados em desk researches, estudos de comportamento e pesquisas quantitativas e qualitativas.

Além disso, pesquisas quanti e quali podem se unir de outra forma em um projeto. Realizando uma pesquisa qualitativa para levantar hipóteses elaboradas pelos respondentes, você pode optar por dar continuidade ao estudo de forma quantitativa. Assim, você pode trabalhar com as principais hipóteses e confirmar não só sua aceitação, mas o grau de incidência delas em uma população maior, por meio de um questionário de pesquisa quantitativa.

Dessa forma, antes de definir o tipo de abordagem que seu projeto pede, é preciso ter em mente claramente o seu problema, seu objetivo e a forma como seus dados deverão ser apresentados após a coleta, para tomar a decisão mais acertada. Simplificando, você precisa pensar se o que você precisa para aquele projeto é validar estatisticamente uma hipótese, saber a opinião geral de um grupo de pessoas homogêneo, ou entender em profundidade a opinião de um grupo de pessoas.

Se não está certo de qual tipo de pesquisa deve fazer, a dica, claro, é procurar um especialista. E nós podemos ajudar. Entre em contato para conversarmos sobre o seu projeto agora mesmo.

Pesquisa quantitativa e pesquisa qualitativa: qual a diferença?Pesquisa quantitativa e pesquisa qualitativa: qual a diferença?Pesquisa quantitativa e pesquisa qualitativa: qual a diferença?Pesquisa quantitativa e pesquisa qualitativa: qual a diferença?

Também poderá gostar de:

Modelos de questionário para fazer pesquisa de comportamento do consum... É inquestionável que a forma das pessoas escolherem e comprarem os seus produtos mudou muito nos últimos anos. Hoje, que...
Sustentabilidade: os consumidores estão preocupados com ações sustentá... A sustentabilidade é um tema que faz parte do dia a dia da sua empresa? O Opinion Box quis entender a preocupação dos co...
AUTOR
Pedro D'Angelo

Pedro D'Angelo

É jornalista, mas decidiu aventurar-se com Marketing. Aqui no Opinion Box, cuida de Projetos e Relacionamento com o Cliente. Hiperativo e curioso por natureza, fala sobre qualquer assunto. Por isso, achou uma boa ideia sentar para escrever sobre eles.

Daniela Schermann
Receba nossas novidades por e-mail