Marketing de conteúdo e pesquisa de mercado: como gerar conteúdo relevante para o seu público-alvo

Daniela Schermann
Marketing de conteúdo e pesquisa de mercado: como gerar conteúdo relevante para o seu público alvo

O marketing de conteúdo não para de crescer, e não é difícil entender o motivo

Não precisa ser nenhum especialista em pesquisa de mercado para saber que, se você perguntar para as empresas de diferentes mercados e tamanhos qual o maior desafio do seu negócio, a maior parte delas vai responder que é conquistar novos clientes.

Mas, para a sorte de muitos, a internet e o marketing digital estão transformando essa realidade. O trabalho de prospecção de marcas e empresas de diferentes mercados mudou radicalmente após a adoção de estratégias de marketing digital.

Se antes era preciso uma boa lábia e muita paciência para passar horas ao telefone ou batendo de porta em porta oferecendo seu produto para pessoas que nunca ouviram falar de você, a situação mudou para melhor. Hoje, para prospectar novos leads e encantar clientes, a estratégia é outra. O que você precisa, antes de qualquer coisa, é um conteúdo excelente e uma boa estratégia de divulgação.

Hoje vamos explicar para você os fundamentos básicos de marketing de conteúdo. De quebra, ainda vamos mostrar como a pesquisa de mercado pode te ajudar a desenvolver uma estratégia infalível.

Marketing de conteúdo: o que é?

Resumindo em poucas palavras, marketing de conteúdo é uma maneira de se relacionar com seu público-alvo oferecendo a ele conteúdo relevante. Ao invés de criar uma propaganda falando sobre o seu produto, você irá desenvolver um conteúdo que tenha informações úteis para o seu cliente, relacionadas ao universo do seu produto.

Imagine, por exemplo, que você tem uma loja de colchão. Ao invés de falar em letras garrafais que o seu colchão é o melhor do mercado, você pode criar diferentes conteúdos que mostram isso. Um post pode contar como um bom colchão pode minimizar as dores nas costas. Um infográfico pode ensinar um passo-a-passo para escolher o colchão ideal. E ainda, um vídeo pode mostrar os diferentes tipos de colchão que existem e as diferenças entre eles.

Por que o marketing de conteúdo é eficaz?

Para entender por que o marketing de conteúdo realmente funciona é só se colocar no lugar do consumidor. Todos nós estamos cansados de propagandas que nos empurram o melhor produto, o mais rápido, ou o mais barato.

A diferença do marketing de conteúdo em relação ao tradicional é que ele não tenta nos vender nada de cara. Ele se faz útil e nos passa credibilidade no momento em que estamos precisando, e por isso passamos a confiar, desejar e precisar daquele produto.

Exemplos de como funciona o marketing de conteúdo

Se uma pessoa precisa trocar um chuveiro e não tem a menor ideia de como faz isso, o que ela faz? Muito provavelmente, a primeira coisa será digitar no Google: “como trocar um chuveiro”. Se uma marca de chuveiro faz um trabalho de marketing de conteúdo bem feito, o primeiro resultado que ela irá encontrar será um vídeo no YouTube ou um post no blog desta marca explicando como trocar o chuveiro. No mesmo post terá um link para outro post: “Como escolher o chuveiro ideal” e a pessoa irá clicar neste post, pois ela ainda não comprou o chuveiro para realizar a troca.

Ao chegar na loja de elétrica da esquina para comprar o chuveiro que precisa, qual marca você acha que ela vai escolher? É muito provável que ela dê preferência para a marca que a ajudou a escolher o tipo de chuveiro e a ensinou como trocar o aparelho do que alguma marca que ela nunca tenha ouvido falar.

Enquanto isso, o concorrente desta marca está gastando uma quantia considerável de dinheiro para anunciar no comercial da novela. Mas quando a pessoa for assistir à novela das oito, o chuveiro já vai estar funcionando perfeitamente.

Entende a diferença? Com o marketing de conteúdo, o seu público-alvo encontra o seu produto na hora que está precisando. Assim, você não precisa tentar acertar o seu público para ser lembrado na hora em que ele precisar de você. Faz muito mais sentido, não faz?

Recomendado para você: Comportamento do consumidor: o que as redes sociais te ensinam sobre seu público

Marketing de conteúdo: como fazer

Existem diversas formas de se fazer marketing de conteúdo. Algumas formas amplamente utilizadas são:

  • Email marketing;
  • Blog;
  • Redes sociais;
  • Ebooks;
  • Infográficos;
  • Webinars;
  • Vídeos

E muitas outras. Escolher os formatos ideais para a sua estratégia de marketing de conteúdo é muito importante. Mas, mais do que isso, é fundamental definir uma estratégia adequada.

Para que o marketing de conteúdo traga resultados de verdade, é preciso se planejar, executar e analisar os resultados obtidos. Esses três passos são executados continuamente, o tempo todo. Imagine, por exemplo, que a estratégia de marketing de conteúdo de uma empresa contempla a produção de ebooks.

É preciso planejar os objetivos do ebook, o conteúdo, o layout e os canais de divulgação. Depois, será necessário escrever, criar o design, revisar, publicar e divulgar em diferentes canais. E nem é preciso dizer que o conteúdo do ebook precisa ser inédito e de excelente qualidade, com informações realmente relevantes para o seu público. Por último, é preciso analisar as métricas: quantas pessoas acessaram e quantas baixaram? E quantas converteram em cliente?

Este é um trabalho contínuo e que exige muita disciplina, esforço e dedicação, mas que pode trazer resultados reais em pouco tempo.

Pesquisa de mercado: como não errar a sua estratégia de marketing de conteúdo

É claro que o marketing de conteúdo tem seus desafios. A internet nos bombardeia com conteúdos o tempo todo, e fazer com que a sua marca se destaque e se torne relevante no meio deste mar de informações é um grande desafio.

Como ter sucesso e se destacar? A pesquisa de mercado é um excelente aliado para quem quer planejar uma estratégia de marketing de conteúdo infalível. Veja quais são os principais tipos de pesquisa de mercado que você pode fazer para definir suas ações.

O primeiro passo é conhecer profundamente o seu público-alvo. Ao começar a desenvolver uma estratégia de marketing de conteúdo, você precisa fazer uma pesquisa de buyer persona. Buyer personas nada mais são do que representações dos clientes ideais da sua empresa.

Trace os perfis dos seus clientes buscando não apenas os perfis demográficos deles (classe, idade, sexo e região), mas também características comportamentais, como motivações, desejos, medos e anseios. Você conseguirá criar suas buyer personas realizando uma pesquisa com o seu público-alvo. Para te ajudar nessa tarefa, nós criamos um questionário com 25 questões para você encontrar sua buyer persona.

Depois que você souber como seu público-alvo pensa e age, fica mais fácil entender onde e como ele pesquisa informações. Agora você pode definir os tipos de conteúdo que irá desenvolver e qual linguagem irá adotar: você pode fazer e-books, vídeos no YouTube, post blogs, webinars, whitepapers e vários outros formatos de conteúdo, e também pode ser formal ou informal, mais descontraído ou mais sério, e criar conteúdos superficiais ou aprofundados. Tudo depende do que as suas Buyer Personas desejam, e também do que elas esperam da sua marca.

Marketing de conteúdo: como gerar conteúdo relevante com pesquisa de mercado

Ao elaborar a sua estratégia de marketing de conteúdo, você vai precisar definir metas e objetivos, escolher as ferramentas certas para te auxiliar no processo e acompanhar as métricas que vão indicar se o seu trabalho está dando resultado ou não. Existem muitos materiais disponíveis para te ajudar a elaborar uma excelente estratégia de marketing de conteúdo.

Eu recomendo este e-book para te ajudar nos primeiros passos de uma boa estratégia de marketing de conteúdo.

Mas agora vem a parte mais difícil: como criar conteúdo relevante de verdade? Antes de mais nada, você precisa ser útil para o seu público e fornecer dados que ele não conseguiria encontrar em lugar nenhum.

Uma excelente estratégia é realizar pesquisas voltadas para o seu mercado e disponibilizar os dados com exclusividade para o seu cliente. Por exemplo, se você possui uma escola de inglês, faça uma pesquisa para saber quantas pessoas consideram o seu inglês excelente e quantas desejam ter um inglês realmente excelente.

Ou, ainda, quantas pessoas observam se a pessoa fala inglês ao avaliar um currículo. Se você trabalha na área de saúde, pode fazer diferentes pesquisas sobre os hábitos de saúde das pessoas. Se trabalha na área de moda, pode entender como as pessoas avaliam diferentes figurinos, da passarela à moda das ruas. Use sua criatividade, crie seus questionários e divulgue.

Todas essas pesquisas podem ser compartilhadas com o seu público de diferentes formas: em vídeos, infográficos, ebooks, posts em blogs, Facebook, Twitter e até foto no Instagram.

Com todas essas dicas e com uma estratégia de marketing de conteúdo extremamente eficaz, você vai aumentar a visibilidade e a autoridade da sua marca, gerar muitos leads e conquistar novos clientes. Que tal começar agora mesmo?

Também poderá gostar de:

O passo a passo para planejar sua pesquisa de mercado Se você acompanha o nosso blog, já sabe que fazer uma pesquisa de mercado online não é tão difícil quanto parece. Mas, a...
Internet das Coisas e marketing: Possibilidades e desafios Roupas com sensores que coletam dados como frequência cardíaca, respiração, movimento e sono. Malas que não precisam ser...
AUTOR
Daniela Schermann

Daniela Schermann

Jornalista e Líder de Marketing do Opinion Box, é especialista em Inbound Marketing e entende tudo sobre pesquisa e comportamento do consumidor. Prefere ser chamada só de Dani e está sempre aprendendo alguma coisa nova.

Daniela Schermann
Receba nossas novidades por e-mail