Empreendedorismo: O que o Opinion Box aprendeu ao participar do 100 Open Startups e do Shark Tank na FINIT 2017

Felipe Schepers
Empreendedorismo: O que o Opinion Box aprendeu ao participar do 100 Open Startups e do Shark Tank na FINIT 2017

Não é novidade para ninguém que trabalhar com empreendedorismo requer persistência e muito trabalho.

O empreendedor, ao mesmo tempo que precisa ter a cabeça no lugar para conseguir matar um leão por dia, precisa ter sempre a habilidade de sonhar e estar atento para não perder as oportunidades que passam diante dos nossos olhos.

Na semana passada, uma dessas oportunidades se abriu para o Opinion Box. Por isso, quero contar como foi a experiência de ficar em primeiro lugar no ranking do 100 Open Startups na FINIT e ser convidado para subir ao palco do Shark Tank.

Foram três dias de muito aprendizado, networking e troca de experiências. E eu acredito que, compartilhando as nossas impressões, nós podemos contribuir com outras startups e empreendedores, que com certeza vão passar por experiências parecidas.

A FINIT

A segunda edição da FINIT, Feira Internacional de Negócios, Inovação e Tecnologia, reuniu grandes eventos em um só local. Em seis dias de programação, a FINIT foi palco do 100 Open Startups, do Shark Tank, da Campus Party Minas Gerais, do HUB Conecta, da She’s Tech Conference, da Arena de Negócios e de vários outros eventos.

A FINIT promove o encontro de empreendedores digitais, de economia criativa e de grandes empresas, do Brasil e do mundo. Está se consolidando como um evento de grande porte e de grande relevância para o calendário nacional do empreendedorismo.

O 100 Open Startups

O 100 Open Startups é uma plataforma online patrocinada por empresas globais que, juntas, avaliam e classificam startups do mundo inteiro. Fazem parte das empresas patrocinadoras grandes marcas como Accenture, Algar, Johnson & Johnson, Natura, IBM, Cemig e outras grandes empresas.

As startups mais atraentes são selecionadas a partir de uma metodologia que envolve cinco etapas e uma pontuação baseada em atratividade, geração de negócios e atração de investimentos.

O Opinion Box está em primeiro lugar no ranking das startups de Marketing e Vendas do 100 Open Startups de 2017, e em quarto lugar no ranking geral. Isso nos qualifica para diversos eventos que visam conectar startups inovadoras com grandes empresas em todo o país.

Os eventos consistem em dois dias de speed-datings entre startups e grandes empresas para apresentar as soluções de cada startup. O desempenho pode ser acompanhado em tempo real em um ranking que informa quantas conexões foram criadas por cada startup.

Para nós, o evento é tão positivo, que das 35 reuniões que realizamos com grandes empresas em dois dias de eventos em São Paulo, já temos mais de 5 contratos fechados.

Pelo segundo ano, o evento em BH aconteceu dentro da FINIT.

1º dia do 100 Open Startups na FINIT 2017

Pelas nossas experiências nas edições anteriores do 100 Open Startups, nós já sabíamos o potencial que o evento tem para gerar boas oportunidades. Por isso, nos preparamos e nos organizamos para atingir o nosso objetivo: gerar conexões relevantes com grandes empresas.

Eu e o CEO do Opinion Box, o Christian Reed, tivemos oportunidade de conhecer e conversar com muitas pessoas bacanas. Pessoas de diferentes áreas de grandes empresas como Vale, Amazon e Algar, dentre outras. Todos se mostraram disponíveis para ouvir a história do Opinion Box e entender como podemos ajudar a resolver as dores de suas próprias empresas.

Recomendado para você:  100 Open Startups: O Opinion Box foi eleito a startup mais atraente de Marketing e Varejo de 2017

Ao longo de todo o primeiro dia, o Opinion Box ficou em primeiro lugar no ranking das startups que estavam tendo mais “matches” com as empresas. O match, assim como nos aplicativos de relacionamento, é uma sinalização das grandes empresas de que querem continuar conversando com a startup. Ou seja, nossa estratégia estava dando certo e nós não poderíamos estar mais felizes.

Ainda no primeiro dia, veio a notícia de que a startup vencedora iria participar do painel Shark Tank, o reality show de empreendedorismo. Neste programa, investidores avaliam ideias de empreendedores e decidem se vão investir nessas ideias ou não.

Essa motivação a mais nos deixou muito empolgados. Além da oportunidade de negócios e da visibilidade que o Shark Tank poderia nos gerar, quem me conhece sabe como eu sou apaixonado por reality shows. Por isso, seria também a realização de um sonho pessoal poder participar de um reality show, mesmo que por poucos minutos.

Empreendedorismo: O que o Opinion Box aprendeu ao participar do 100 Open Startups e do Shark Tank na FINIT 2017

Dicas de empreendedorismo para quem quer participar

Para quem pretende participar um dia do 100 Open Startups, vale algumas dicas:

  • Seja educado, sincero e transparente com todos.
  • Ajude outras startups, independentemente de qualquer competição. Quanto mais o ecossistema cresce, melhor para todos nós. Tenha sempre isso em mente.
  • Adapte o seu discurso à realidade de cada empresa e da área que a pessoa trabalha. Que tal começar perguntando em qual a área a pessoa trabalha, ao invés de começar falando da sua startup?
  • Não seja tímido, pergunte se as pessoas tem um tempo para te ouvir. Se ela não tiver tempo naquele momento exato, tente agendar um horário.
  • Tenha na sua cabeça discursos que podem ser de 5, 10, 15 ou até mesmo 30 minutos.
  • E o mais importante, tenha paixão ao falar do seu próprio negócio.

2º dia da 100 Open na FINIT 2017

Durante o segundo dia, seguimos criando boas conexões e, ao todo, realizamos mais de 30 reuniões.

Ao final do dia, depois de muita expectativa, conquistamos o primeiro lugar. Mais do que isso, atingimos o recorde de conexões da história do evento, com 22 empresas interessadas em negociar com o Opinion Box. Além disso, ficamos extremamente felizes com o resultado de mais de 100 startups criando conexões com grandes empresas ao longo de todo o evento.

Empreendedorismo: O que o Opinion Box aprendeu ao participar do 100 Open Startups e do Shark Tank na FINIT 2017

O Shark Tank

O Shark Tank Brasil é um game show que conta com 5 apresentadores e investidores. Durante o programa, eles ouvem as ideias de negócios de diferentes empreendedores, e decidem se querem investir nesta ideia ou não.

Durante a FINIT, os tubarões Camila Farani, empreendedora e presidente do fundo de investimento Gávea Angels, e Caito Maia, fundador da Chilli Beans, marcaram presença no painel Shark Tank. Assim como no programa de TV, eles avaliaram cinco empresas. Cada empresa tinha 3 minutos para fazer seu pitch, e em seguida eles faziam perguntas, que iam das mais fáceis às mais difíceis, e depois negociavam ali mesmo, na frente de uma plateia de 2.500 pessoas, de acordo com os organizadores do evento.

O Opinion Box no Shark Tank

Como vencedores do 100 Open Startups, fomos informados que, no dia seguinte, seríamos uma das empresas avaliadas pelos tubarões. Por isso, precisávamos preparar o nosso pitch de 3 minutos em menos de 15 horas.

Além de nós, mais quatro empresas participaram do painel. Foi muito emocionante dividir essa experiência com duas startups do SEED, o programa de aceleração do governo de Minas Gerais.

O SEED tem sido muito importante para o ecossistema de startups de Minas, e nós temos nos envolvido bastante em suas ações, compartilhando experiências com as startups que participam do programa de aceleração. Uma das startups que também participou do Shark Tank, a MyPS, nos conheceu a partir do SEED e se tornou cliente do Opinion Box.

Mas de volta ao Shark Tank! Com muita emoção e adrenalina, fizemos nossa apresentação para a Camila Farani e para o Caito Maia. Após muitas palmas, os tubarões desceram e se misturaram ao mar de gente da plateia. Além das perguntas que os dois nos fizeram, respondemos também diversas perguntas da plateia.

Ao final, Caito afirmou que quer se tornar o nosso cliente e fechar um contrato de 6 meses. Já a Camila, tem interesse em se tornar nossa investidora.

Confesso que a experiência superou as minhas expectativas. Falar sobre um negócio em que fui cofundador e sobre um produto em que tenho total confiança e paixão para Caito, Camila e mais de 2.500 pessoas foi inédito.

Foram três dias de troca de experiências, elogios, networking e muitos feedbacks positivos. Na saída da FINIT, uma pessoa me parou. Sua fala me emocionou: “Vocês foram sensacionais, me senti inspirado pela história e negócio de vocês!”. Tem algo melhor do que isso?

Empreendedorismo: O que o Opinion Box aprendeu ao participar do 100 Open Startups e do Shark Tank na FINIT 2017

Lições de empreendedorismo

Algumas lições de empreendedorismo que tivemos nesses dois dias de evento e que não poderíamos deixar de repassar:

Espírito de equipe

Esse é um dos valores do Opinion Box e faz parte do dia a dia da nossa empresa. E sem espírito de equipe, nada disso teria acontecido. Para participar do 100 Open Startups, nós já havíamos aprendido que em dupla é muito mais eficaz.

Além de poder atingir mais pessoas e fazer mais conexões, é importante dividir essa experiência intensa com mais alguém.

A experiência também me fez valorizar mais ainda todo o esforço que o time do Opinion Box tem feito para criar uma empresa espetacular. E se não tivéssemos a serenidade que todo o trabalho continuaria sendo realizado e entregue, pelo nosso time no escritório, tudo seria muito mais difícil.

Preparação

Foram três dias em que fomos bombardeados com perguntas diversas, por pessoas de diferentes áreas e mercados. Pessoas que queriam saber mais, pessoas que não estavam interessadas em nos ouvir, pessoas extremamente simpáticas e outras nem tanto, pessoas com dúvidas fáceis e outras que nunca haviam nos sido perguntadas.

É preciso estar preparado e conhecer o seu mercado e o seu negócio muito bem. Não tenha pressa na hora de responder e seja sempre claro e objetivo. Mostrar a paixão que você tem pelo seu negócio ajuda a encantar o seu interlocutor.

Improviso

Quem quer entrar no mundo do empreendedorismo, ou quem já está nele, precisa aprender a lidar com improviso. Empreendedorismo é uma caixinha de surpresas, e quando elas são tão positivas assim é que sentimos a recompensa. Afinal, a qualquer momento, você pode fisgar uma oportunidade. E vai que nessa pescaria, ao invés de um peixe, vem um tubarão!

Para fechar, a Camila Farani e o Caito Maia também tem excelentes dicas para empreendedores que querem conquistar investidores. Assista no vídeo abaixo:

Também poderá gostar de:

Como fazer pesquisa de mercado com segmentação específica Existem diversas formas de fazer pesquisa de mercado online. Você pode fazer uma pesquisa com seus próprios contatos ou ...
Transformação digital: 3 fatos mostram que a ficção se tornou realidad... Recentemente, falei para vocês aqui no blog sobre a transformação digital nas empresas. O processo de digitalização que ...
AUTOR
Felipe Schepers

Felipe Schepers

COO e Co-Founder do Opinion Box, é um profissional inquieto, com um pé em administração e outro em marketing. É responsável por fazer crescer os negócios no Opinion Box e entregar soluções inovadoras para os mais diferentes clientes.

Daniela Schermann
Receba nossas novidades por e-mail